×

Falhas no pelo do cachorro: principais causas e tratamentos

Falhas no pelo do cachorro

Falhas no pelo do cachorro: principais causas e tratamentos

Falhas no pelo do cachorro: principais causas e tratamentos

Falhas no pelo do cachorro: principais causas e tratamentos.

Os tutores de cães frequentemente se preocupam com a queda de pelo excessiva em seus animais de estimação. No entanto, falhas no pelo são um problema bastante sério também.

Falhas no pelo do cachorro referem-se a partes da pele sem pelo nenhum, formando buracos. Existem várias causas para isso, e elas podem ser tanto de fundo emocional como um sinal para patologias físicas.

Neste blog, vamos explorar as principais causas e tratamentos para as falhas no pelo do cachorro. Também daremos algumas dicas sobre como prevenir futuras falhas no pelo do seu cão. Continue lendo para aprender mais.

Compreendendo a diferença entre queda e falhas no pelo do cachorro

Antes de entender as causas às falhas no pelo do cachorro, é importante compreender a diferença entre queda de pelo e falhas de pelo. Apesar de algumas pessoas pensarem que são a mesma coisa, elas se distinguem em diversos aspectos e pode fazer uma enorme diferença para a saúde do animal.

A queda de pelo é natural em cães. Os cães mudam de pelos duas vezes ao ano para se adaptar às mudanças climáticas. Na primavera, o animal muda seu pelo por um mais fresco mais adequado para o verão. Já no outono, a pelagem precisa ser mais densa para suportar o frio do inverno. Neste processo de troca, o pelo cai uniforme pelo corpo todo, deixando a pelagem mais rala. É normal sentir um acúmulo maior de pelos pela casa, mas ainda assim, o animal continua com a pelagem uniforme.

doença hepática em cães
doença hepática em cães

Por outro lado, falhas de pelo são buracos ou partes da pele sem pelo nenhum. Eles podem acontecer a qualquer época do ano e podem ser um sinal de alerta para a saúde do animal.

É importante saber que a distinção é crucial para identificar o problema do cachorro: queda de pelo é um processo natural do organismo e, portanto, não deve causar preocupação aos tutores. Já as falhas de pelos, por serem irregulares e muitas vezes localizadas, podem ser um sinal de que algo está errado e precisa ser investigado.

Dito isso, distinguir queda de pelo de falhas de pelo é fundamental para entender o que pode estar acontecendo com o seu cachorro. É importante estar sempre atento à pelagem do animal para identificar qualquer falha ou problema de pele que possa surgir.

Principais causas das falhas no pelo do cachorro

Antes de abordarmos as principais causas das falhas no pelo do cachorro, é importante esclarecer a diferença entre queda de pelo e falhas no pelo, já que muitas vezes os tutores confundem os dois termos.

A queda de pelo é um processo natural do organismo canino, o qual ocorre duas vezes ao ano, na primavera e no outono. Nesse período, os pelos caem uniformemente em todo o corpo do animal, não deixando falhas ou buracos na pelagem. É possível perceber essa mudança no pelo do cão quando o mesmo começa a ficar um pouco mais ralo, evidenciando uma pelagem mais fina.

Por outro lado, as falhas no pelo do cachorro surgem quando há partes da pele sem pelo nenhum, formando buracos ou falhas de fato, que podem ocorrer a qualquer época do ano. Essas falhas são causadas por diversos fatores, e podem ter origem emocional ou patológica.

Por que é importante distinguir entre queda e falhas no pelo?

Distinguir a queda de pelo das falhas é importante para compreender a saúde do seu cachorro. Falhas no pelo podem ser indicativas de algum problema de saúde ou comportamental, enquanto a queda natural é apenas um processo natural e regular do organismo canino. Se o tutor não compreende a diferença, pode acabar ignorando um problema de saúde do seu animal, confundindo o problema com uma queda natural. Assim, é importante estar sempre atento à pelagem do cachorro, fazendo essa diferenciação.

cachorro ferido
cachorro ferido

Principais causas das falhas no pelo do cachorro

Os motivos pelas falhas no pelo do cachorro podem ser tanto de fundo emocional quanto um sinal de patologias físicas. A seguir, apresentamos os problemas mais comuns que geram falhas no pelo do cachorro:

Problemas emocionais e comportamentais

Assim como os humanos, os animais são seres emocionais, e podem apresentar falhas no pelo quando estão enfrentando problemas emocionais e comportamentais. Estresse, ansiedade e depressão são algumas das causas emocionais dessas falhas. Cães que ficam muito tempo sozinhos em casa ou que passam por eventos traumáticos, como mudanças de ambiente ou de tutor, podem apresentar falhas no pelo em função do estresse que experimentam.

Deficiências nutricionais

Uma alimentação inadequada pode ocasionar problemas de saúde, inclusive para a pele e pelo do animal. Uma dieta desequilibrada pode causar deficiências nutricionais, levando o corpo a responder e demonstrar que as coisas não andam bem. Por isso, é importante manter uma dieta balanceada para o seu pet.

Doenças endócrinas

Distúrbios endócrinos, como o hiperadrenocorticismo ou Síndrome de Cushing, por exemplo. Essas doenças afetam cães adultos, causando perda de pelos significativa no animal.

Alergia alimentar

Devido às fortes exposições que os animais passam a alguns alimentos presentes em suas dietas, é comum que apresentem alergia alimentar a alguns ingredientes específicos, como proteínas de frango ou bovina. A alergia alimentar é uma das investigações mais frequentes para o quadro de falhas no pelo do cachorro.

Infecções e outros fatores

Infecções, como micoses, e fatores externos, como parasitas, também podem causar falhas na pelagem do cachorro. É importante estar atento aos sinais de pele seca, coceira, irritação ou presença de parasitas, que podem indicar problemas que afetam o pelo do animal.

Cachorro com vitiligo
Cachorro com vitiligo

Tratamentos para falhas no pelo do cachorro

Se você identificou falhas no pelo do seu cachorro, é hora de buscar ajuda de um veterinário para identificar a causa do problema. Com o diagnóstico em mãos, você pode seguir com o tratamento adequado para devolver a saúde e beleza da pele e pelos do seu pet. A seguir, destacamos algumas opções de tratamento que podem ser utilizadas para solucionar as falhas no pelo do cachorro.

Cuidados preventivos

Os cuidados preventivos são a melhor forma de evitar a ocorrência de falhas no pelo do seu cachorro. Por isso, é importante manter uma rotina de cuidados com a alimentação, higiene e ambiente do cachorro. Para garantir uma alimentação adequada, certifique-se de oferecer ração de qualidade e balanceada para o seu pet.

Além disso, é importante manter a higiene do cachorro em dia, com banhos regulares e escovação dos pelos. Outro cuidado importante é com o ambiente em que o cachorro vive. Certifique-se de que ele tenha um espaço adequado, limpo e seguro para viver, com acesso a água e alimentos de qualidade.

Tratamentos para doenças endócrinas

Nos casos em que as falhas no pelo do cachorro são causadas por doenças endócrinas, o tratamento deve ser direcionado à causa do problema. A terapia hormonal pode ser indicada para tratar doenças como hipotireoidismo e hiperadrenocorticismo. É importante lembrar que o tratamento para doenças endócrinas deve ser realizado com o acompanhamento de um veterinário especializado, que irá indicar o melhor tratamento para o seu pet.

Cachorro com fraqueza nas pernas e tremedeira
Cachorro com fraqueza nas pernas e tremedeira

Ração hipoalergênica

A ração hipoalergênica é indicada para cães com alergias alimentares, ou seja, que apresentam falhas no pelo do cachorro devido aos ingredientes presentes na ração. Essa ração é formulada com ingredientes selecionados, que reduzem as chances de o cachorro ter uma reação alérgica. Consulte um veterinário para saber qual a melhor opção de ração hipoalergênica para o seu pet.

Suplementos nutricionais

A suplementação nutricional é uma alternativa para tratar falhas no pelo do cachorro causadas por deficiências nutricionais. Os suplementos devem ser indicados pelo veterinário, que irá avaliar as necessidades nutricionais do seu pet. Os suplementos nutricionais devem ser utilizados em conjunto com a alimentação balanceada para garantir a saúde e beleza da pele e pelos do seu pet.

Soluções tópicas para queda de pelo

As soluções tópicas são indicadas para tratar a queda de pelo em cachorros. Elas podem ser aplicadas diretamente na região do corpo que apresenta falhas no pelo do cachorro. Consulte um veterinário para saber qual a melhor solução tópica para o seu pet. É importante lembrar que essas soluções devem ser aplicadas com cuidado e seguindo as instruções do fabricante e do veterinário.

Com essas opções de tratamento, é possível solucionar as falhas no pelo do cachorro e garantir a saúde e beleza da pele e pelos do seu pet. Além disso, é importante manter uma rotina de cuidados preventivos para evitar a ocorrência de novos problemas. Lembre-se sempre de contar com o acompanhamento e orientações do seu veterinário de confiança para garantir a saúde e bem-estar do seu pet.

cachorro com cinomose
cachorro com cinomose

Como prevenir futuras falhas no pelo do cachorro

Em conclusão, é importante estar atento às falhas no pelo do seu cachorro e às possíveis causas para elas. Problemas emocionais e comportamentais, deficiências nutricionais, doenças endócrinas, alergia alimentar e infecções são algumas das causas mais comuns.

Para tratar essas condições, existem diferentes tratamentos, desde cuidados preventivos até soluções tópicas para a queda de pelos. Também é essencial manter uma boa alimentação, higiene e ambiente para prevenir futuras falhas no pelo do seu cachorro. Lembre-se sempre de levar seu cachorro ao veterinário caso você note a presença de falhas no pelo ou sinais de incômodo no animal. Com os cuidados devidos, seu pet poderá manter uma aparência saudável e alegre.

almofada da pata do cachorro
almofada da pata do cachorro

Conclusão

Em conclusão, é importante estar atento às falhas no pelo do seu cachorro e às possíveis causas para elas. Problemas emocionais e comportamentais, deficiências nutricionais, doenças endócrinas, alergia alimentar e infecções são algumas das causas mais comuns.

Para tratar essas condições, existem diferentes tratamentos, desde cuidados preventivos até soluções tópicas para a queda de pelos. Também é essencial manter uma boa alimentação, higiene e ambiente para prevenir futuras falhas no pelo do seu cachorro. Lembre-se sempre de levar seu cachorro ao veterinário caso você note a presença de falhas no pelo ou sinais de incômodo no animal. Com os cuidados devidos, seu pet poderá manter uma aparência saudável e alegre.

Publicar comentário

  • Facebook
  • X (Twitter)
  • LinkedIn
  • More Networks
Copy link